É Verdade, muita coisa mudou!!! Com o isolamento social e os moradores passando a maior parte do tempo dentro dos apartamentos, novas regras surgiram diante desse Novo Normal.

A princípio, o primeiro impacto para a gestão se refletiu no elevado consumo de água. O que causou uma grande preocupação por parte dos síndicos pois coincidiu com o primeiro mês da nova estrutura tarifária da CASAN.

Bem como, além de toda a ansiedade causada pela situação do COVID-19, a notícia de um aumento na fatura de água deixou o ânimo dos moradores de condomínio agitado.

Outro agravante foi o grande volume de informações acerca do novo vírus circulando pelas redes, canais de notícias e grupos de mensagens.

Gestão de crise e as habilidades dos síndicos

Em síntese, a divisão de opiniões foi nítida. Alguns moradores assustados e em pânico exigindo medidas drásticas por parte da administração, e outra parte encarando tudo como um exagero e pressionando a administração para liberar por completo o uso de áreas comuns.

Definitivamente, este têm sido um momento para pôr à prova as habilidades de gestão de crises dos síndicos.

Enfim, as regras aumentaram nos condomínios, principalmente em relação aos cuidados que precisam ter no convívio entre si, como ao transitar pelas áreas comuns. Com isso as reclamações aumentaram entre os vizinhos.

Comunicação é essencial

Ações com foco na melhora da comunicação têm sido as que mais demonstram resultados positivos, aponta a Síndica Profissional Elisete Pacheco.

“O morador antes saia de casa cedo para trabalhar e voltava à noite. Com isso não via criança brincando, cachorro latindo, funcionários trabalhando, e assim por diante. Hoje a realidade é outra e os ânimos estão mais alterados. Estão mais sensíveis tanto no que diz respeito ao barulho como no convívio entre vizinhos”.

Para desenvolver mais empatia entre os moradores o condomínio buscou alternativas para melhorar a comunicação e o convívio, através de novas Normas e até um Manual foi criado através de um software de gestão, e disponibilizado nos grupos de Whatsapp e um exemplar impresso fica disponível na Portaria.

Pandemia aproximou os condôminos

Por isso, Elisete explica que a partir dessas ações, num de seus condomínios com vários blocos, e mais espaços de áreas comuns, “foi possível notar que o comportamento mudou, pois eles estão andando pelo condomínio, se conhecendo, conversando mais, e com isso resolvendo os problemas através do diálogo”. 

Daí, essa postura contribui para a gestão do síndico, que é o responsável pela harmonia e ordem nos condomínios. A síndica Elisete dá ainda algumas dicas para àqueles que estão enfrentando problemas na convivência entre os moradores:

A criação de uma rotina semanal de comunicados com medidas de segurança e proteção embasadas nos decretos municipais e estaduais.

Além disso, para facilitar a adesão dos moradores às medidas e evitar alardes, a criação de pequenos grupos ou comissões pode ajudar muito.

Antes de impor uma norma dentro do condomínio, como o fechamento dos playgrounds, por exemplo, pode-se discutir a situação com uma comissão de pais e propor uma solução construída em conjunto.

Quando a nova norma for comunicada ao grande grupo, os moradores mais sensíveis a ela – que são os próprios pais – já estarão cientes tanto da norma quanto do processo necessário para se chegar a ela.

Limitações quanto aos prestadores de serviços

Inserir aos poucos a exigência de comunicação com antecedência de 24 horas para receber um prestador de serviços, ou algum serviço nos apartamentos, e limitar o horário de atendimento para até às 16h. Essas medidas permitem que o síndico coordene com a equipe de limpeza a higienização das áreas onde terceiros adentraram.

Limitar a entrada de entregadores e delivery até os halls de entrada, para reduzir o fluxo de pessoas nos corredores. Os moradores descem ao hall de entrada para receber, e em casos de idosos e grupo de risco, pode ser criado um grupo Whatsapp para que um vizinho auxilie o outro.

Elisete Pacheco – Síndica Profissional em Florianópolis

Coordenadora da Escola do Síndico

Acompanhe nossas redes sociais:

@condomeeting

@revistasoaquicondominios

Ver mais matérias condominiais: https://condomeeting.com.br/gestao-mais-humanizada-e-pacificadora/

Nossos vídeos no youtube condomeeting: https://condomeeting.com.br/saiba-como-fazer-a-desinfeccao-preventiva-das-areas-comuns-do-condominio/

Nossos vídeos no canal condtv.com.br – https://www.youtube.com/watch?v=TiSRB0fHLgo&t=129s

Veja Também esse Vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=EK0JSxh1UcQ&t=757s

E mais: https://condomeeting.com.br/impacto-da-norma-inspecao-em-edificios/

Você sabia? https://condomeeting.com.br/os-beneficios-de-ter-um-manutencista-condominial/