Em razão da pandemia do covid-19 e dos decretos de isolamento no início do surto no Brasil, muitas pessoas permaneceram em casa.

Outras se adaptaram a possibilidade de trabalho por home office, passando mais tempo nos seus lares, refletindo diretamente na quantidade de lixo produzido nas residências.

Portanto, se por um lado houve a diminuição do lixo descartado pelas empresas e restaurantes, pelo fato da maioria estarem fechadas, o descarte de lixo nos condomínios aumentou.

Aumento do lixo requer cuidados no manuseio

Segundo Estudo da Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (ABRELPE), apontou que este aumento poderá chegar até 25% na quantidade gerada de resíduos sólidos domiciliares.

Com isso, essa nova realidade já está refletindo diretamente no dia a dia tanto dos condôminos, como do condomínio.

Além disso, é necessário reforçar as medidas preventivas juntos aos funcionários dos condomínios e modificar protocolos no manuseio do lixo.

É necessário que haja um manuseio mais cuidadoso para acondicionar lixo orgânico, a utilização mais frequente de álcool em gel e o uso frequente de máscaras de proteção.

 Como é importante também orientar os moradores que não deixem uma grande quantidade de lixo nas residências. Isto poque, o que poderá trazer problemas para a unidade condominial e seus vizinhos, lembrando que o trajeto pelas áreas comuns deverá obedecer as orientações de distanciamento e higiene.

Orientação para casos positivos

‘Atenção’:

Para as pessoas que testarem positivo para o vírus ou que estão em quarenta (sintomas ou suspeita), é orientado que parem de separar o lixo doméstico para coleta seletiva. A orientação é de que outra pessoa da unidade habitacional faça o serviço, até que esteja plenamente curada do vírus.

 Neste parágrafo frisamos que a empresa de coleta de lixo tem orientado para que as pessoas amarrem bem as sacolas dos resíduos possivelmente contaminados.

Na sequência as coloquem em um segundo ou até terceiro pacote reforçado, para evitar qualquer possibilidade de contaminação. 

Em segundo, Isso garante também a segurança dos funcionários que irão manusear este lixo.  As máscaras e luvas usadas no dia a dia devem ser descartadas no lixo comum;

Em conclusão, outros cuidados também devem ser tomados, como a higienização das mãos antes do manuseio das sacolas e, possivelmente, a limpeza desses pacotes com álcool antes do descarte.

Dr. Eduardo  José Boscato

Advogado – Vice-Presidente da Comissão de Direito Condominial de Balneário Camboriú

 e Conselheiro Fiscal da Asbalc

Acompanhe nossas redes sociais:

@condomeeting

@revistasoaquicondominios

Ver mais matérias condominiais: https://condomeeting.com.br/gestao-mais-humanizada-e-pacificadora/

Nossos vídeos no youtube condomeeting: https://condomeeting.com.br/saiba-como-fazer-a-desinfeccao-preventiva-das-areas-comuns-do-condominio/

Nossos vídeos no canal condtv.com.br – https://www.youtube.com/watch?v=TiSRB0fHLgo&t=129s

Veja Também esse Vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=EK0JSxh1UcQ&t=757s

E mais: https://condomeeting.com.br/impacto-da-norma-inspecao-em-edificios/