Saiba como 3 fatores super importantes pode afetar a gestão de resíduos

Para entendermos a importância da gestão dos resíduos em condomínios, devemos saber como está o panorama dos resíduos no Brasil, o que foi tema do meu artigo escrito para a última edição da revista Condomeeting “O Panorama do “Lixo” no Brasil”.

Entendendo a Legislação Ambiental

De acordo com a Abrelpe, até 2050 a produção de lixo deverá crescer mais 50% e poderá alcançar 120 milhões de toneladas por ano.

Ano passado completamos 10 anos da lei federal 12.305, que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos, surgiu como um dos mais importantes instrumentos de política pública dos últimos anos. Que veio para regulamentar as atividades geradoras de resíduos sólidos, desde a sua geração até a destinação ambientalmente adequada, traz em sua essência o conceito de “responsabilidade compartilhada”, atribuindo diferentes papéis aos setores da sociedade, buscando reduzir a geração de resíduos, a poluição e os danos socioambientais característicos do atual modelo de desenvolvimento e gestão.

Estados, municípios, geradores de resíduos e população estão tendo que se adequar as exigências e os condomínios podemdesempenhar um importante papel nesta transformação. A concentração de pessoas nos condomínios favorece a busca porsoluções independentes, capazes de aliviar os sistemas públicos e gerar benefícios ambientais, sociais e econômicos não só paraos moradores, mas para toda a sociedade.

_________________________________________________________________________________________________________________

Talvez você tenha interesse:

_________________________________________________________________________________________________________________

Os programas de reciclagem em condomínios diminuem o desperdício de materiais, aumentando a vida útil dos aterros ereintroduzindo-os novamente na cadeia produtiva, confi­gurando-se como importantes agentes ambientais para as cidades.

Proporcionam melhores condições de trabalho, aumento de produtividade para funcionários, além de umambiente interno muito mais saudável, servindo com agente de transformação ambiental para as futuras gerações e agregando valor ao empreendimentoque tem responsabilidade ambiental e social.

Como identificar sinais de problemas que o seu condomínio precisa implantar um sistema de coleta seletiva ou gestão de resíduos sólidos?

Os resíduos podem se tornar um problema, não apenas sob a ótica organizacional, mas de atendimento a legislação que confere responsabilidades mínimas na gestão do lixo (Lei federal 12.305), assim como no tocante a convivência de moradores, os quais buscam um ambiente higiênico, sadio organizado para todos.

Neste cenário é possível relatar 3 sinais bastante evidentes, mas que muitas vezes passam despercebidos por síndicos e gestores, trazendo àtona a necessidades de melhorias no processo, a saber:
  1. Local de armazenamento desorganizado: este aspecto parece ser muito evidente, mas é notória a quantidade de condomínios com o local de armazenamento desorganizado, sujo e muitas vezes sem qualquer condição de manejo por parte dos moradores.
  2. Excesso de trabalho do zelador: muito comum e no geral imperceptível aos olhos de condôminos e locatários é o excesso de trabalho realizado pelo zelador para ­fins de organização e limpeza do local de armazenamento de lixo.  O que pode provocar não apenas o desperdício de recurso, mas também gera grande insatisfação no dia-a-dia do zelador, acarretando em elevado turno ver dentro dos condomínios.
  3. Falta de Informação: ele pode ser como o norteador para um bom processo de gestão do lixo, mas quando negligenciado pode desencadear dos 2 (dois) primeiros aspectos, relata dos anteriormente. Por mais simples, a reciclagem torna-se realmente efetiva quando existe um nível de engajamento de todos e para isso os objetivos, metas e vantagens devem ser continuamente monitorados e divulgados. A falta de informação gera dúvidas e coloca os condôminos em cenários diferentes do coletivo, afetando todo o planejamento e a execução do sistema de gestão de resíduos no condomínio, a educação ambiental e a capacitação de todos os envolvidos na gestão dos resíduos só dará certo de esta parte for realizada com sucesso no condomínio.

Seu condomínio possui algum dos aspectos mencionados acima?

O importante é manter o foco em buscar melhorias sempre, sejam econômicas, operacionais ou de bem-estar para condôminos e funcionários.

No próximo artigo falaremos como fazer o planejamento para implantação de um sistema de coleta seletiva ou gestão de resíduos no seu condomínio.

Artigo por: Kamila Barros, Engenheira Ambiental, CEO na Avivar Ambiental, Embaixadora do Instituto Lixo Zero Brasil em Várzea Grande/MT, Consultora Lixo Zero credenciada no Instituto Lixo Zero Brasil, especialista em gestão de resíduos e regularização ambiental de empreendimentos urbanos e rurais. Contato: 65 99249-2829 – Avivar Ambiental