Já pensou em investir em reformas de imóveis subvalorizados e revendê-los a preços de mercado? Essa modalidade tem nome e se chama Flip House.

A estratégia, além de ter um potencial lucrativo, pode ser a solução dos problemas com inadimplência em condomínios.

Mas como isso? Calma, síndico, esse artigo vai te explicar!

_____________________________________________________________________________________________________

Talvez você tenha interesse:

_____________________________________________________________________________________________________

O que é o Flip House?

Primeiramente, Flip House é uma estratégia de negócio focada no lucro rápido. Ou seja, o investidor compra um imóvel a um preço promocional e depois o aprimora a fim de vendê-lo a um preço mais alto.

Desta maneira, é possível valorizar algo que já não tinha mais valor. Além disso, reformar pode ser mais sustentável do que construir um imóvel do zero.

Contudo, para conseguir boas vendas, é preciso encontrar imóveis mais depreciados. Ainda, é na compra do imóvel que se ganha dinheiro, não na venda. Isso porque a venda é realizada pelo preço do mercado.

Na hora da compra, o investidor precisa encontrar um imóvel de baixo valor, mas com grande rentabilidade. Também precisa ficar alerta às condições da estrutura, a fim de calcular todos os gastos da reforma.

Como o Flip House pode auxiliar os condomínios?

Vamos combinar que cobrar uma pessoa conhecida não é tarefa fácil. Porém, o Flip House oferece uma alternativa diferente para lidar com a inadimplência.

A empresa Flip Investimentos Imobiliários, de Balneário Camboriú (SC), é a 1º imobiliária do Brasil especializada em Flip.

“Nós queremos ser parceiros dos síndicos e administradores condominiais. Ao invés de ajuizar a cobrança, o que gera custos e litígios, o síndico pode contatar a nossa empresa para fazer uma proposta de compra do imóvel, o que se torna mais viável financeiramente para o condomínio”, explica o diretor da Flip, Michael Willian Chulek.

Segundo Michael, primeiro a empresa faz uma avaliação estrutural e jurídica, para então formatar uma proposta no imóvel. Assim, o condomínio pode pagar as pendências e diminuir os prejuízos com judicialização.

Valorização imobiliária

O Flip House também é uma maneira de valorizar o condomínio no geral, pois imóveis sem manutenção podem interferir nas propriedades vizinhas.

Afinal, ninguém quer conviver ao lado de um imóvel com infiltrações, problemas elétricos e estruturais, entre outros.

Ou seja, com o Flip House é possível reformar a propriedade e elevar a régua de preço médio do condomínio.

“Às vezes, o imóvel já não está mais adequado aos padrões atuais. Com a reforma, é possível fazer um novo layout para o lugar, melhorando a funcionalidade para outras famílias”, explica Michael.

A Flip Investimentos Imobiliários oferece um atendimento personalizado e técnico dentro da modalidade de Flip House. A empresa também conta com setor jurídico e profissionais de engenharia civil e arquitetura.

Lanume Wess – Redação Condomeeting

Roderjan