Sempre gosto de começar qualquer artigo que escrevo, contando uma história e este não será diferente.

Em 1812 algo aconteceu, e foi extraordinário. Neste ano começou em Nottingham (Inglaterra) a surgir os primeiros teares automatizados pelos moinhos. Cada tear automatizado substituiu 10 operários. Este foi o início da primeira revolução industrial.

Eles eram muito mais rápidos, com maior qualidade dos fios superiores, e com menor perda de matéria prima. Neste ano o Senhor Lord Byron subiu na Câmara de Lordes para comentar sobre um projeto de lei que tornaria a destruição de teares automatizados um crime punível, com pena de morte.

Ele achava absurdo para a humanidade substituir o trabalho humano para o automatizado. Em menos de oitenta anos já eram mais de trezentos mil destes novos teares automatizados só na Inglaterra, que para a época, era algo surpreendente.

Diante disso fica a reflexão:

Será que os teares automatizados ajudaram no conforto, segurança e bem-estar da população? Será que milhares de pessoas tiveram acesso a roupas que antes não tinham?

Será que se eles não tivessem sido criados, as pessoas em situação de vulnerabilidade financeira teriam acesso a roupas de qualidade?

O que tem haver está história com os condomínios? TUDO – Muitas tecnologias estão chegando e temos que estar preparados para absorver e não deixar nossos condomínios obsoletos. Sempre gosto de citar que acredito que toda solução que um condomínio vai adquirir daqui para frente tem que estar conectado com estes 3 pilares:

Convivência

Segurança

Economia

Todo serviço repetitivo no seu condomínio vai ser substituído e vou citar algumas soluções para que você possa ter uma ideia do que estar por vir:

– A Assembleia Virtual chegou e não tem mais volta

– A prestação de contas toda online já no 5 dia útil do mês.

Nestes dois exemplos as administradoras trocarão muitos funcionários para os modernos softwares de gestão condominial, como por exemplo o Superlógica.

Os módulos de automação, farão acionamento das luzes da quadra, bomba d’água, irrigação do jardim, todos vão ser automatizados.

A Portaria Remota, já é uma grande realidade no Brasil, onde milhares de condomínios já não imaginam mais voltar para a portaria tradicional, pois agora se sentem muito mais seguro e claro com a economia investiram em modernização dos seus condomínios.

Rondas dos vigilantes serão substituídas por drones com inteligência, onde eles farão as rondas automaticamente e em caso de alguma invasão no perímetro automaticamente o mesmo se desloca para o local da invasão inibindo a ação.

Para finalizar gostaria de dar duas dicas para vocês síndicos, conselheiros, condôminos

“A questão para todas as indústrias e empresas (ou Condomínio), sem exceção, não é mais ‘haverá ruptura em minha empresa?’, mas quando ocorrerá a ruptura, e como ela afetará a mim e a minha organização (Condomínio)?”  – Klaus Schwab.

” Os próximos 05 anos, podem ter certeza, teremos mudanças gigantescas nos nossos condomínios, não fiquemos para trás.”

Odirley Rocha

Consultor de Segurança e Palestrante Nacional